segunda-feira, 10 de setembro de 2012

Muito triste com a proteção animal

Sinto muito por usar esse espaço para fazer um desabafo, sei que esse blog não é para isso, mas sentia necessidade de falar! 

Ando cansada de ver tanta discórdia na proteção animal. Ultimamente tenho visto tantas protetoras empenhadas em difamar umas às outras, em criticar alguém que só tentou ajudar e em causar discussões desnecessárias. Será que os 200 ou 500 animais que elas dizem abrigar não estão precisando de nada para elas estarem perdendo tempo na internet com discussões que não irão levar a nada só pelo prazer de criticar alguém? 
Porque a minha protetora não vem me
fazer um carinho invés de ficar
batendo boca na internet?
A gente que se importa com os animais está sempre batendo na tecla de que não é só de teto e comida que um animal precisa. Dar um carinho, conversar com eles, brincar um pouco... são coisas que até podem parecer dispensáveis para alguns, mas que para qualquer cão que vive preso em um canil de abrigo faz muita diferença! Porque essas protetoras que dizem se importar tanto com eles não vão lá dar uma atenção além do 'só dar ração' ao invés de perder tempo na internet acusando outra protetora de tentar se promover em cima dos animais? Já teve protetora (uma séria e conhecida) que se deu o trabalho de me mandar uma mensagem uma vez me dizendo que 'se eu realmente acredito no trabalho dela não era para mim ajudar a ong da Fulana'. Não me pareceu atitude de uma protetora séria. Mais tarde ela divulgou na internet uns e-mails que essa outra protetora havia mandado para ela xingando e dizendo horrores. Na época eu nem conhecia essa outra protetora. Ocorre que com o tempo eu fui vendo o trabalho dessa outra e vi que ela realmente ajuda animais, ou seja, também é uma protetora séria! Sabem qual o problema entre elas? São parentes! Não sei como começou a rixa entre elas, se foi por razões familiares ou não, mas alguém acha que elas ficarem se acusando publicamente, vai ajudar algum animal? Acham que isso pode prejudicar a causa? Eu acho! 

Eu não tenho vergonha de dizer que atualmente estou desempregada, totalmente dependente de meus pais de novo, que meu pequeno pátio já está cheio e que estou contando as moedas para ração e veterinário. Recentemente meu gato precisou de um procedimento e nenhum protetor ou ong se disponibilizou a me ajudar, mesmo sabendo da minha situação. Uma pessoa ainda quis citar lei para me dizer que se o gato é meu eu tenho obrigação de garantir veterinário se não configuraria maus tratos, sendo que em momento algum eu me omiti de cuidar dele, apenas estava pedindo ajuda. Mas sei que se fizesse uma comoção pela internet, certamente conseguiria até mais do que realmente precisava, mas não sou assim. Graças a Deus pude contar com a minha família que está me ajudando com ele. Ainda assim fiquei me perguntando se aquela pessoa preferia me denunciar por suposta omissão no problema de saúde do meu gato, a me ajudar a conseguir um atendimento a baixo custo (porque nem para isso ela se prestou). Será que não há nada errado nessa proteção animal onde ninguém se ajuda, mas na hora de apontar e crucificar as pessoas são rápidas!

Só acho que protetor sério não perde tempo acusando alguém que FOI LÁ E RESGATOU, invés de acusar quem foi lá e cometeu o crime de maus tratos.

Agora mais uma vez, em outra ong uma discussão desnecessária por causa de uma denúncia de maus tratos compartilhada pelo Facebook inclusive com foto do animal em situação deplorável. 

Mais uma vez me decepciono com a causa animal. Não com a causa animal, mas com gente que realmente é envolvida, gente que conheço o trabalho e sei que realmente se importa, mas que por alguma razão gosta de vir para a internet e usar esse espaço para acusar, criticar e difamar outras pessoas que só quiseram ajudar. Como elas não vêem que isso invés de ajudar só enfraquece cada vez mais. Sei que não sou a primeira, pois já vi gente que era voluntária a anos se decepcionar de tal modo a ponto de dizer que ia sair da internet, se afastar de ongs e cortar os contatos com gente da proteção justamente porque estava cansada dessas discussões desnecessárias em que não se chegam a lugar algum, só se perde voluntários e ganha inimizades, e de quebra uns processos judiciais. Acho que vou fazer o mesmo. Essa ainda disse que iria continuar na proteção fazendo apenas a parte dela, quietinha em casa. Mas eu, desempregada e dependente dos meus pais, não posso dizer o mesmo. Por mais que eu queira ajudar e saiba que cada animal merece, não me sinto em condições de fazer mais e acho que não tenho obrigação alguma de ficar ouvindo certas coisas.

Houve uma época em que eu ficava sabendo de casos de animais resgatados e ajudava através de doações em dinheiro e disponibilizava até mesmo o meu cartão de crédito (AQUI). Lar temporário já desisti a tempos de fazer porque os que vieram para ficar "temporariamente" estão aqui até hoje. Como não tenho mais condições nem de ajudar doando dinheiro e nem de oferecer lar temporário, sei que virei uma coisa inútil para algumas protetoras, mas ainda achava que eu poderia fazer a minha parte participando de eventos, arrecadando doações e ajudando divulgar eventos e animais resgatados pelo Facebook (essa é a parte que acho mais importante, pois quanto mais compartilhada for a imagem de um animal maiores são as chances dele conseguir um lar). Mas diante de tanta discórdia na causa animal, estou me retirando. Sei que para muitos eu não vou fazer falta, mas ainda acho que talvez um animal ainda seja prejudicado porque será uma pessoa a menos não na divulgação dele para adoção. Mas como essas protetoras se acham tão boas, espero que elas consigam dar conta de todos. Certamente essa minha decisão não é para sempre, mas pelo menos vou dar um tempo nessa proteção tão fraca e sem sentido.




2 comentários:

  1. Ah, Luci, isso é tão complicado... E triste! Eu tenho duas cadelas que vieram para lar temporário e que acabaram ficando, uma tenho há uns 5 ou 6 anos e a outra está quase fazendo 2 aqui em casa.
    Além delas, tenho também uma gata, que faz aniversário final do mês junto comigo e que vai completar 13 anos.
    Eu tenho uma situação financeira bastante complicada, e quando digo isso, quero dizer que não tenho dinheiro nem para ir ao cinema, não tenho TV à cabo e meu único "luxo" é uma internet de 40 reais.
    Para cuidar dos animais que já tenho é difícil, às vezes damos da nossa própria comida, quando vemos que a ração não vai chegar até o final do mês.
    Como você mesma falou, já estive em situações com a Rita, a gata, em que precisei de atendimento veterinário e não consegui, porque não tinha ninguém para ajudar (somos só eu e minha mãe na cidade e não temos qualquer família sequer no mesmo estado) e os veterinários não aceitaram recebê-la sem pagamento no ato. Felizmente, conversando com muitas pessoas troquei a alimentação dela e não tivemos mais problemas (ela ficou 3 dias sem fazer xixi).
    E é assim que a gente vai seguindo. Todos meus animais, apesar dos pesares, são saudáveis e felizes. Inclusive a gata de 13 anos, que recentemente perdeu um dos dentinhos de baixo, que corre, brinca, pula e se alimenta super bem.
    Mas infelizmente eu não posso trazer um animal da rua para minha casa. Seria imprudente e irresponsável. Não sei que tipo de doenças esse animal pode ter e trazer para os meus. Não vou ter condições de levá-lo ao veterinário, de alimentá-lo e de proporcionar um espaço no mínimo decente, já que minha casa não é enorme e já tenho outros três bichos.
    E as pessoas ainda julgam quando você posta uma foto de um animal que precisa ser recolhido com frases como "você perdeu tempo tirando a foto mas não pôde recolher o animal. Você não tem coração?".
    O coração sente a cada animal abandonado com o qual nos deparamos, mas infelizmente, não dá para ajudar todos.
    Mas as pessoas parecem estar muito mais preocupadas com seus próprios umbigos para tentar compreender a situação de cada um.

    ResponderExcluir
  2. Não, voce não esta decepcionada com a causa animal, voce esta decepcionada com a causa HUMANA!!!! seres humanos são assim mesmo, em qualquer causa e qualquer lugar, aqui em Curitiba é a meeeesma coisa! Tento (e por uma rara exceção, tenho conseguido) me manter neutra, afastada e zen, me focando apenas nos animais, se vão falar mal de mim??? ótimo!!assim divulgam minha causa, pois, nunca precisei da simpatia dos humanos, me vale muito mais o olhar agradecido dos animais!!!

    ResponderExcluir

Se você irá apenas deixar o link do seu blog nem perca seu tempo,pois ele será deletado!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...