sexta-feira, 29 de março de 2013

Portão agora tem Serviço de Proteção aos Animais



“Foi um dia histórico, começamos a favor da causa animal há um ano. Conseguimos sensibilizar o poder público, isso não tem preço”. È com essa frase que o presidente da Associação dos Amigos dos Animais de Portão (AAAPOR), Márcio Lacerda, define o sentimento de ver o que era sonho se materializar. Foi aprovado, na seção da Câmara de Vereadores do último dia 25, a criação do Serviço Portonense de Proteção aos Animais (SEPPA). O projeto de lei, sugerido pelo vereador Diego Martins (PMDB), teve voto favorável de todos os legisladores.

Vinculado a Secretaria Municipal de Saúde, o novo órgão será responsável pela formulação e estabelecimento das políticas públicas destinadas a saúde, a proteção, a defesa, ao controle populacional e ao bem – estar dos animais do município. O presidente da Aaapor diz que a aprovação foi uma vitória do movimento que abraçou a causa da cidade. (ganhamos mais um braço, um norte. È uma base que podemos encaminhar a população. Nós da ONG não temos estrutura, precisamos de apoio do poder público, informa.

A responsável pela causa animal na Vigilância Sanitária de Portão, Viviane Rodrigues, salienta que o projeto de criação do Seppa partiu do setor jurídico da Prefeitura Municipal. De acordo com a proposta aprovada, entre as atribuições está a esterilização e microchipagem de animais soltos sob custódia municipal de rua ou que pertençam a pessoas com baixa renda. Também são suas atribuições o recolhimento, a remoção, a apreensão, o alojamento e a guarda de animais soltos nas ruas que apresentem riscos reais a população. ( só serão recolhidos os acidentados, com lesões e que não possam ser tratados na rua), lembra.

Diego, que lutou pelo projeto diz que a aprovação é uma quebra de preconceitos.(fui criticado por que retiraríamos dinheiro da saúde, educação, segurança, o que é a mais pura ignorância, porque já existe dotação orçamentária em lei. Só vamos regulamentar), explica.

A nova pasta ainda está sendo organizada, mas segundo Viviana serão feitas de 15 à 20 castrações por mês. Ainda não há telefone de contato e nem definido como será a operação do serviço, mas segundo a administração o serviço estará em pleno funcionamento até o mês de maio.

Fonte: Jornal Primeira Página de Portão

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você irá apenas deixar o link do seu blog nem perca seu tempo,pois ele será deletado!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...