quinta-feira, 1 de outubro de 2015

Na Espanha homem é condenado por matar cavalo que perdeu corrida



Ocorreu há três anos atrás em Mallorca, Espanha. Eugeni Sánchez desferia golpes mortais espancando com um pau o seu cavalo Sorky das Pont após uma corrida no hipódromo de Manacor, uma cidade de Mallorca. Sánchez foi condenado a oito meses de prisão.

O condenado reconheceu que no dia 30 de dezembro de 2012, zangado porque Sorky não ganhou a corrida de “trot”, bateu com um pau no cavalo até que o matasse.

No dia 24 de setembro, a juíza María Jesús Campos, em uma condenação histórica na Espanha, sentenciou que “a morte a pauladas deste cavalo saudável só se explica através do desprezo pela sua vida (que podia ter durado mais anos), e que matar o cavalo com tal método causou uma lenta e angustiosa agonia, sendo injustificado e desnecessário feri-lo”.

A juíza ainda acrescentou que “a morte atroz deste cavalo de corrida em sua própria quadra do hipódromo é uma aberração no século XXI e a indignação dos cidadãos de Mallorca é justificada e legítima”.

Importa também destacar o trabalho da Associação Balear dos Advogados pelos Direitos dos Animais (ABADA), presentes como advogados de acusação e que se opuseram que Eugeni Sánchez usufruísse do benefício de substituir sua pena de prisão. A ABADA informou também que mesmo se a defesa recorrer à sentença esta é a primeira pena de prisão dada a um agressor de animais.

A histórica sentença é mais uma demonstração de como as pessoas rejeitam a crueldade com animais em nossa sociedade. Por sua vez, é um aviso para todos os agressores de animais, que veem que a impunidade tem seus dias contados.

Fonte: Olhar Animal

Leiam mais sobre esse caso em Zoorpreendente

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Se você irá apenas deixar o link do seu blog nem perca seu tempo,pois ele será deletado!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...